Autor: Gabi Coiradas

Alguém que não sabe escrever bios otimistas, mas que acaba tentando só para não ser xingada. Formada em Letras, sonha em ser lida, mas tem suas dúvidas se tem algo a dizer. Sua alma é San Diego. Bellydancer sempre no básico e fotógrafa sem equipamento, é isso mesmo que dá pra imaginar: uma baita de uma salada cultural
Pensamentos crônicos

Resolvi não resolver

Para o ano que vem, eu só quero uma leveza que seja quase insustentável e ela não combina com o peso de resoluções. Quero sentir o gosto de simplicidade no meu cotidiano e sorrir das minhas próprias pequenas tragédias, pequenas pelo simples fato de eu não deixar que cresçam. Quero ser dona de mim e isso não depende de nenhum planejamento.